A guerra contra o Sarampo já é mundial - Negócios Hospitalares
publicidade
Busque produtos e serviços de forma mais eficiente!


A guerra contra o Sarampo já é mundial

Os casos de Sarampo têm aumentado drasticamente no continente europeu. No primeiro
semestre desse ano já são mais de 90 mil casos relatados, mais do que o total registrado em
todo o ano de 2018 (cerca de 84 mil).


Os casos de Sarampo têm aumentado drasticamente no continente europeu. No primeiro

semestre desse ano já são mais de 90 mil casos relatados, mais do que o total registrado em

todo o ano de 2018 (cerca de 84 mil).

Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde), a situação na Europa já é considerada uma

emergência de Grau 2. Isso permite que recursos técnicos, financeiros e humanos sejam

mobilizados pela agência para ajudar os países afetados pela doença. Segundo Zsuzsanna

Jakab, diretora regional da OMS, a agência “aumentou o foco na eliminação do sarampo e

atualizou os seus métodos de ação.”

 

No Brasil, até agosto desse ano, já foram registrados 1.388 casos de Sarampo. Cerca de 90,9%

dos casos suspeitos e confirmados residem na grande São Paulo.

O Sarampo é uma doença infecciosa grave, causada por vírus, que pode levar à morte. Ela é

transmitida quando a pessoa infectada tosse, fala, espirra ou respira próximo de outras

pessoas.

Os primeiros sintomas do Sarampo são: febre, tosse, irritação nos olhos, nariz escorrendo ou

entupido e mal-estar intenso. Após 3 a 5 dias, podem aparecer manchas vermelhas no rosto e

atrás das orelhas, que se espalham pelo corpo.

O único meio de evitar a doença é a vacina. Portanto, procure a unidade de saúde mais

próxima e proteja-se!

Saiba mais em: http://www.saude.gov.br/saude-de-a-z/sarampo